[Resenha + Promo] Delírio - Lauren Oliver

Imaginem a seguinte situação: Um mundo onde foi descoberto que o amor é uma doença e, para completar, ele tem cura! Acho que todo mundo que já teve uma paixonite não correspondida imaginou como isso sendo a melhor solução do mundo.

Viver tranquilamente sem o perigo de se apaixonar pode parecer uma idéia muito tentadora, não? Sem precisar se preocupar em se arrumar toda para chamar a atenção daquele garoto, ou sem precisar ficar se descabelando, pensando se ele é mesmo a fim de mim ou não. Sem ficar com a neura de stalkear o facebook alheio pra descobrir se ele já te esqueceu ou não. Pode ser muito bom. Mas pode não ser tão bom assim...

Lena é uma garota de 17 anos que vive em Portland  em uma época que a cura para o amor, ou melhor, para a "amor deliria nervosa" já é conhecida. E obrigatória. Todos os jovens aos completarem 18 anos são submetidos à cura, pareados com uma pessoa do sexo oposto para que depois da faculdade eles possam de casar, ter filhos e continuar a sua vida livre dos problemas da doença. Uma vida estável e previsível  E Lena mal pode esperar pela hora da sua cura.

Ela vive com sua tia, tio e primas. Sua irmã mais velha já é curada e casada. Seu pai morreu quando ela ainda era um bebê e sua mãe se suicidou, vítima do descontrole da doença. Por causa da mãe, a família de Lena não é vista com bons olhos. Uma vítima da doença, que foge da cura, é alguém visto com péssimos olhos na sociedade e Lena prometeu para si mesma que não seria como a mãe. Ela iria se curar e viver a vida -sem graça- tranquila que a esperava.

Porém, poucos meses antes da sua intervenção, Lena acaba conhecendo Alex em uma aventura entre os laboratórios do governo juntamente com a sua melhor amiga Hana. Ela não sabe como nem porque mas, ela sente uma incontrolável vontade de ficar perto de Alex e saber mais sobre ele. Apesar de achar essa vontade um pouco duvidosa, ao perceber que o rapaz tem a cicatriz da cura, ela cede seus desejos e se aproxima dele sem medo. Sem querer, Lena acaba se entregando então à paixão, e quando cai em si ela percebe que já contraiu a deliria.

Em voz alta, digo com um tom agudo:
- Não.
Mas outra palavra está se erguendo dentro de mim, borbulhando como água fresca jorrando da terra. Sim, sim, sim.

Assim, vamos descobrindo com Lena não só a magia que é se apaixonar por alguém, mas também como o amor faz a nossa vida ter um brilho especial. E é ele que nos faz querer sorrir, cantar, dançar, exaltar essa felicidade que ele nos traz. E aqui falamos não só do amor de um homem por uma mulher, mas também o amor de uma mãe por um filho, amor de irmão, amor de amigo, amor pelo seu animalzinho de estimação, amor pela vida.

Ao se entregar a esse amor, Lena percebe que a doença não é algo tão ruim como ela imagina, nem como governo diz. Ela se dá conta de que amar é algo bom, que nos faz bem, nos faz feliz. E ainda que além de amar, poder demonstrar esse amor é melhor ainda.

E, de repente, tudo é tão ridícula e estupidamente claro que tenho vontade de rir. É isso o que eu quero. Sempre foi o meu único desejo. Todo o resto - cada segundo de cada dia antes de deste momento, deste beijo - não significou nada.

Por mais que seja um romance, é uma história cheia de aventura, chegando muitas vezes a nos lembrar de "Jogos Vorazes". Não pelos jogos, óbvio, mas pela organização da cidade, pela manipulação do governo na vida das pessoas. E tenho certeza que mesmo quem gosta de romances, vai acabar gostando de Delírio  por tratar o amor de uma forma tão diferente. Terminei esse livro em lágrimas, querendo dar o meu livro para todas as pessoas lerem e conhecerem essa história. É um livro surpreendente que nos faz pensar e refletir sobre muitas coisas. Eu mesma que já tive meus amores não correspondidos cheguei a pensar que uma cura pudesse ser uma ótima ideia. Mas acabei esse livro querendo morrer de amor deliria nervosa.

SORTEIO
Quer conhecer mais a história e descobrir o lado bom e o ruim da cura do amor? Em parceria com a Intrínseca, vamos sortear um exemplar do livro. Comente na resenha e preencha o Rafflecopter ;) Boa sorte!

a Rafflecopter giveaway


Comentários
65 Comentários

65 comentários:

  1. O amor é lindo e horroroso, aí a gente lê um livro desse e chega a pensar se não seria uma boa... por mais que o amor seja bom, as vezes é uma agonia, né? Ainda sim, eu entendo o lado dela... essa doença também pode ser o máximo *----*

    ResponderExcluir
  2. eu tbm queria ter delira rs , por mais que não tenha sido OMG , eu gostei e quero ler a continuação , gostei da resenha , muy bem detalhada.

    ResponderExcluir
  3. Ah, esse livro é ótimo! Eu li há algum tempo e adorei. Achei o final desesperador e por isso estou meio que necessitando do segundo volume :D Também acabei refletindo sobre o amor e fiquei me perguntando como seria se toda a história acontecesse mesmo. Partilhamos da mesma opinião! haha
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. eu tinha uma outra opinião sobre esse livro, pensei que fosse chato. mas mudei de opinião e agora eu quero muito ler o livro, pensei que ele se tratava só de amor romantico, mais se tratando de um amo como um todo a idéia é muito mas interessante.

    bjs

    ResponderExcluir
  5. Adoro esse tipo de livro já faz tempo que to querendo ler ele.

    ResponderExcluir
  6. N'ao tinha ouvido falar desse livro, mas achei-o bem interessante. Bela resenha, me deixou curiosa haha' sua resenha realmente atiçou minha curiosidade. Se eu visse em uma loja, apenas pela capa não teria minha atenção.
    Espero ter a chance de lê-lo =)

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  7. Distopias estão na moda, e posso dizer que é um dos gêneros que mais gosto na atualidade. Esse livro me parece muito interessante. Achei legal a ideia que a autora teve de colocar o amor como uma doença. Espero que ela tenha desenvolvido bem a narrativa.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  8. Só de ter a ideia de viver com essa doença na vida real imagina só... Também achei a trama bem diferente. haha
    E sobre a comparação com Jogos Vorazes achei também conveniente aliás as distopias sempre estão interligadas demais isso ne. haa
    bjs

    ResponderExcluir
  9. Achei o melhor livro da turnê Intrínseca.
    Fiquei intrigada pela história, pois a amor não ser tratado do jeito que sentimos e pensamos é bem, a verdade é que não sei explicar, mas a história é boa.

    ResponderExcluir
  10. Distopias não despertam o meu interesse para lê-los...

    O amor como doença?! Não concordo com esse pensamento.

    Bjo.

    ResponderExcluir
  11. Desde a primeira resenha que li sobre Delírio fiquei louca pelo livro. A capa é belíssima, os quotes deixam a curiosidade dominar minha cabeça, mas me contive, sofro muito por ter prometido não comprar, mas nada me impede de participar da promoção! Então Boa Sorte pra mim! =]

    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Sempre que leio resenhas desse livro bato um pé firme: se pudesse ter uma cura forever, eu usaria sem pensar duas vezes. Só acho que a idade estabelecida é tarde demais.
    Claro, é bom no começo, quando vc começa a pensar na pessoa e fica meio boba e dá aquele calorzinho no coração. Mas depois, sua vida vira de cabeça pra baixo. E deve ser bom, claro, qdo se é correspondia(o). Eu não sei como é, então pra mim isso sempre foi uma droga.

    ResponderExcluir
  13. Ainda não havia ouvido falar sobre esse livro, mas parece ser ótimo. A idéia dele, de se viver sem o perigo de se apaixonar dá mais medo do que realmente se apaixonar...
    Quero ler esse livro em breve pois já estou curiosa.

    ResponderExcluir
  14. É uma proposta bem diferente né. Não entendi muito bem dessa do amor ser uma doença. Pessoas que amam demais ? Bem, quero muito ler, então estou participando.

    Aproveitando aqui, com carinho queria que vc fosse também no meu blog e se possível me seguisse também. Se gosta de livros e tudo que envolve esse mundinho vai la e me segue pliss!
    Então depois de um tempo sem postar, estarei reiniando e ja fechando muitas parcerias. E em breve novidades. Então segue vai! http://bellaletra.blogspot.com.br/
    bjuu

    ResponderExcluir
  15. Eu já li várias resenhas positivas desse livro e a sua me fez com mais vontade ainda de lê-lo! Esse livro deve ser inegavelmente bom e realmente preciso lê-lo. s2 Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
  16. Quero ler esse livro desde o lançamento e a cada resenha que leio a vontade só aumenta!
    Tem uma história super diferente e que chama muito a atenção. E o final parece ser daqueles de morrer de vontade de ler o próximo logo.
    Como eu já li outro livro da autora e adorei a escrita dela, esse já está na listinha!
    Beijo!

    ResponderExcluir
  17. Eu sou louca pra ler Delírio, me parece uma distopia muito atraente. Nunca pensei em pedir a cura para o amor, nem nos piores momentos de amor não correspondido, rs, e não consigo imaginar essa sociedade que a autora criou. Por isso mesmo quero ler o livro, deve ser bem diferente.

    nome no raffle: Juliana Xavier

    ResponderExcluir
  18. Já li várias resenhas desse livro, mas com certeza essa foi a melhor! Me deixou com mais vontade ainda de lê-lo! Me apaixonei pela sinopse, parece ser uma estória muito emocionante!

    ResponderExcluir
  19. Estou doida pra ler esse livro! IUAHSiuahsiuaHS

    Creio que esse controle do governo e a alienação do povo estão presentes em todos os livros de distopia - em todos os que eu li, pelo menos. E se vc for pensar a respeito, nossa sociedade se encaminha pra isso mesmo.

    Quantas pessoas nao-alienadas vc conhece? Um grupo pequeno, aposto!

    Enfim, tem muita gente que acha que o amor é uma coisa negativa, mas acho que isso se deve pelo simples fato das pessoas nao saberem amar, pura e simplesmente...Elas querem POSSUIR o outro, o que torna tudo um pouco mais complicado e negativo.

    =*

    ResponderExcluir
  20. Sempre, sempre que eu leio resenha desse livro penso o qt a autora se equivocou em colocar o amor como vilão e não a paixão! Sempre penso que não há como o amor ser ruim, mas sim a avassaladora paixão =P

    Boa Resenha!

    Miquilis: Bruna Costenaro

    ResponderExcluir
  21. Eu tenho curiosidade para ler esse livro desde que ele lançou, todo mundo tem falado bem dele, e como o amor pode ser uma doença? eu fico imaginando e simplesmente não consigo, acho que é isso que mais me atrai nesse livro haha

    ResponderExcluir
  22. a cada resenha que leio sobre esse livro, minha curiosidade a respeito cresce ainda mais.
    sua resenha ficou excelente. parabéns.

    ResponderExcluir
  23. nossa quero muito ler esse livro, só a capa é impressionante, fico imaginando o conteúdo rs... tratar o amor como uma doença? é bem estranho isso, já que todos amamos alguém. Mas ainda assim desperta a minha curiosidade pelo livro. Parabéns pela resenha, adorei.

    ResponderExcluir
  24. Nossa, super interessante a história. Essa questão do sentimento ter uma cura é muito curiosa. Me lembra um pouco de "Feios" essa questão da cirurgia ou intervenção. Curiosíssima para ler.

    ResponderExcluir
  25. Eu fiquei bem curiosa no lançamento desse livro pelo tema dessa distopia. Quando li a sinopse me lembrou um pouco Feios (acho que por causa do governo se intrometer na vida da população para que esta se enquadre em um tipo específico). Mas pelo que a sua resenha diz, ela vai focar mais no amor que Lena sente antes de ser 'curada'. Quero muito ler o livro e ver o desfecho da história.

    ResponderExcluir
  26. Eu gostei desse livro antes dele sair aqui. Já li
    varias resenhas boas e a sua só reforçou minha vontade de ler o livro.

    ResponderExcluir
  27. Essa coisa de amore ser doença é um tema bem legal. claro que a parte em que o governo começa a se intrometer na vida das pessoa é um saco, mas enfim, eu achei muito interessante e já coloquei o livro na minha lista de leitura...rs Ele me lembra outros livros que li, portanto acho que gostarei dele.

    ResponderExcluir
  28. achei a capa beem diferente , e o tema com uma pegada bem legal , ainda não vi um livro com esse tema , super interessante , amor relacionado como uma doença , parece ser uma leitura beem incrivel , pela sinopse e por sua resenha '

    ResponderExcluir
  29. A capa desse livro é linda !!!
    Já li varias resenhas, a maioria falam duper bem sobre esse livro..
    Estou muito curiosa para conhecer a história !!

    ResponderExcluir
  30. Esses romances distópicos têm uma premissas tão angustiantes, eu não posso imaginar um mundo sem amor, e acho que gostaria de ler o livro só para ver o amor vencer no final, porque ele vence, não é?!

    ResponderExcluir
  31. Eu sou fascinada por distopia e esse livro nao vai ser diferente.. tdo mundo q ja leu fala mto bem do livro, mas eu ainda nao li! To desesperada pra ler! EU AMEI A RESENHA!!!

    ResponderExcluir
  32. Quero ler esse livro desde que lançaram nos EUA,quando a Intrínseca lançou aqui nem acreditei.
    Acredito que esse livro tem dois elementos que são essenciais: distopia e romance.
    Adorei sua resenha,a Lauren foi genial em utilizar o amor como tema
    bjs Nati

    ResponderExcluir
  33. Nunca tinha ouvido falar desse livro,mas depois de ler a resenha, fiquei louca pra ler.
    Parabéns pelo blog !
    Espero ganhar,rs
    beijos !

    ResponderExcluir
  34. Não vou dizer que estou morrendo de vontade de ler este livro, mas achei a resenha interessante, quem sabe mais para frente.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  35. Quero!!! amei a resenha, amo esse tipo de livros. fiquei curiosa para saber como o Alex e a Lena são...

    ResponderExcluir
  36. O amor é um sentimento tão paradoxo, podemos amar e ser amados ou viver sofrendo por causa dele.
    Adorei a resenha e a temática do livro, quero muito ler.
    Bjs

    http://garotasdepapel.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  37. Este livro parece simplismente ótimo, desde a capa )que embora eu saiba que é errado escolher o livro pela capa, não consigo evitar) até a sinopse, tudo me encantou é exatamente o tipo de livro que mais me agrada, em breve estara na minha lista de prioridades, sem dúvida.

    ResponderExcluir
  38. Eca, Ceile. Acho que sou mesmo a única pessoa que detestou esse livro. Mas você gosta de Maldição do Tigre, então........ keke

    ResponderExcluir
  39. Li o outro livro da Lauren e não gostei, mas acho que vou gostar desse. *-*

    ResponderExcluir
  40. Nunca li nenhum livro dessa escritora, mas já ouvi falar dos livros dela.

    ResponderExcluir
  41. Awnn,eu amei sua resenha!
    Esse livro esta há um bom tempo na minha lista de desejados mas eu nunca tive a oportunidade de lê-lo,mas tenho muita curiosidade de conhecer uma sociedade que julga o amor dizendo que é uma doença. Seria uma tristeza acabar com o amor no mundo. Por uma pessoa ou outra,tudo bem,mas uma mãe deixar de amar o filho e o marido e até mesmo o cachorro? É horrível pensar nisso. Espero que a Lena possa mudar algo na história.

    Como eu disse,quero muito conhecer esse livro!

    Beijooss,
    Jennifer♥

    ResponderExcluir
  42. já li esse livro, é perfeito *-*
    quero muito o livro... eu li em ebook, pq não posso comprar :(

    ResponderExcluir
  43. Adorei ver a história onde o amor é uma doença,algo que é maravilhoso mas que também pode ser enlouquecedor e doloroso,enlouquecedor a ponto de precisar de uma cura?!
    Quero muito ler!

    ResponderExcluir
  44. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  45. Muito diferente de tudo que eu já li, pelo menos até onde me lembro. Realmente a semelhança com Jogos Vorazes no quesito sociedade controlada me impressiona (até hoje não tive a oportunidade de ler Jogos Vorazes, mas li inúmeras resenhas).
    Antes mesmo de ler até a parte onde você cita esse fato eu já estava com a outra série na cabeça.
    Tenho muita vontade de ler o livro, adoro romances e esse acredito vai ser totalmente diferente.
    Suas resenhas são ótimas, parabéns de verdade.
    Acabei de me inscrever no feed para recebe-las por Email, adoro ler quando estou na rua, tempo livre no trabalho e etc. Novamente parabéns pelo seu blog e suas resenhas. =]

    ResponderExcluir
  46. Essa capa pessoalmente é maravilhosa né.
    Sou louca pra ler delírio. Uma das poucas distopias que saíram depois de jv que me chamou atenção!

    ResponderExcluir
  47. Gostei da resenha. Espero ter a oportunidade de vir a ler o livro. Gostei da capa também.

    ResponderExcluir
  48. Pena que sempre a protagonista queira encontrar seu príncipe salvador. Seria legal ver um livro diferente, mas vá lá. Se for um bom representante da modinha, serve.

    ResponderExcluir
  49. Já ouvi falar muito bem desse livro,a capa não é bonita,mas a estória valhe a pena

    ResponderExcluir
  50. amei a resenha!!!!
    nossa acho que me apaixonei por ele,estou louca para por ele.:P
    queria viver num mundo assim:S
    PARABÉNS A RESENHA FICOU INCRIVEL

    ResponderExcluir
  51. Ai essa é a segunda resenha que leio de Delírio e só aumenta minha curiosidade em ler esse livro *-*

    ResponderExcluir
  52. Gente, não conhecia o livro! Nossa, muito interessante, diferente de tudo que já li, mas parece ser tão encantador quanto os bons e tradiconais romances. Ah, eu preciso ler.

    ResponderExcluir
  53. Me lembrou o filme 'Brilho eterno de uma mente sem lembranças'. Eu amo o filme e tenho certeza que amaria ler o o livro.

    ResponderExcluir
  54. A história parece incrível! Bem diferente mesmo, fico aqui tentando imaginar como seria viver curada da unica coisa que realmente nos salva de tudo. Deve ser triste, com certeza. Adoraria fazer essa leitura!

    ResponderExcluir
  55. Eu amei a resenha! Acho que foi uma das mais instigante que li, o livro parece ser mt bom!

    ResponderExcluir
  56. A cara da minha prima esse livro! Caso eu ganhe a promoção vai pra ela! Bem interessante mesmo o enredo do livro.

    ResponderExcluir
  57. UE, quer dizer que ela se apaixona por alguem que recebeu a cura? Ta ai que eu nao sabia rsrsrs
    Eu ainda nao li o lviro, alias nem tenho, mas to curiosa sobre ele, principalmente pelos elogios. Nao sou fã de distopias, acho elas muito iguais, mas creio que algumas devem ter algumas diferencas, principalmente no universo criado. Espero ler esse livro em breve, participando da promo, quem sabe ne?
    bj

    ResponderExcluir
  58. Não li o livro ainda, mas acho a abordagem dele interessante.
    Ouvi (ou melhor, li) vários comentários positivos sobre esse livro.
    Acho que ele merece uma chance.
    Abraços

    ResponderExcluir
  59. As vezes até eu queria uma cura pro amor quando tudo parece estar ruim, mas é tão bom estar apaixonado. A capa de livro é linda e o tema tão interessante, a cura do amor. Quero logo lê-lo.

    ResponderExcluir
  60. Ai eu já tantas resenhas deste livro... mas ainda não li... tenho muita vontade mas não sei sempre tem uma coisa (outro livro) que impede.. enfim...

    Sou apaixonada pela capa... agora a historia foi uma das primeiras distopias que eu ouvi falar antes do grande bang das distopias... um mundo , uma sociedade que trata o amor como uma doença é no minimo uma boa historia... to louca pra ler...

    bjus


    ResponderExcluir
  61. Eu achei a sinopse um pouco parecida com a do livro Destino. Governo escolhe com quem vc casa, remédio misterioso e tal. Acho que a diferença é que todo mundo parece gostar de Delírio e nem um pouco de Destino. Gostei muito da sua resenha e quero ler o livro.

    Bye

    ResponderExcluir
  62. Tinha visto tantas resenhas negativas do livro que tinha desanimado, mas quando li essa resenha, coloquei o livro na minha lista de "ler urgentemente"!
    Além de ter uma sinopse muito interessante, o fato de ser uma distopia me animou bastante (: Sem falar que se trata do amor, de como uma garota o descobriu.
    Gostei muito da resenha e com certeza em breve lerei o livro!

    Beijos,
    salaodelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  63. Comprei esse livro e Pandemônio tem quase um mês mas ainda não li. Eu já estava loooooooooooouca demais pelos dois e quando comprei, trouxe logo os dois pra casa. Mas como ando numa ressaca literária enorme, to esperando passar pra começar a ler *-*

    To mais ansiosa do que nunca após ler essa resenha.

    www.eusoufutiledai.com.br/blog

    ResponderExcluir

Deixe sua opinão ;)

Comentários ofensivos serão excluídos.
Caso tenha um blog, deixe o link no final do comentário.